12 de janeiro de 2008

MACHADO DE ASSIS / POEMA 'ELA'

Machado de Assis


Primeiro poema publicado por Machado de Assis aos 16 anos de idade.
Em 12 de janeiro de 1855.

ELA

Seus olhos que brilham tanto,
Que prendem tão doce encanto,
Que prendem um casto amor
Onde com rara beleza,
Se esmerou a natureza
Com meiguice e com primor

Suas faces purpurinas
De rubras cores divinas
De mago brilho e condão;
Meigas faces que harmonia
Inspira em doce poesia
Ao meu terno coração!

Sua boca meiga e breve,
Onde um sorriso de leve
Com doçura se desliza,
Ornando purpúrea cor,
Celestes lábios de amor
Que com neve se harmoniza.

Com sua boca mimosa
Solta voz harmoniosa
Que inspira ardente paixão,
Dos lábios de Querubim
Eu quisera ouvir um -sim-
P’ra alívio do coração!
Vem, ó anjo de candura,
Fazer a dita, a ventura
De minh’alma, sem vigor;
Donzela, vem dar-lhe alento,
“Dá-lhe um suspiro de amor!”


ASSIS, Machado de, 1839 – 1908
O Almada e outros poemas / Machado de Assis – São Paulo
Globo 1997 – pág 80 (Obras completas de Machado de Assis)
-

Mais de Machado de Assis neste blog - clique:
(poema 'A Carolina')

39 comentários:

  1. Linda poesia de Machado de Assis. Estava à procura dessa poesia no Google e por sorte encontrei seu Blog tão bem elaborado e com crônicas belíssimas.

    Parabéns!

    ResponderExcluir
  2. Nossa que poesia divina! Amei!
    Lindissíma demais!

    ResponderExcluir
  3. Anônimo13:48

    Estava a procura de um poema de MAchado Assis para um trabalho da escola. Este me veio bem, continue com o bom trabalho!

    ResponderExcluir
  4. Anônimo22:18

    eu tava procurando por comentario geral dos poemas de Machado de Assis mais nao adianto porra nenhuma.

    ResponderExcluir
  5. Tais Luso00:12

    Caro leitor(acima): postei dois links de textos sobre Machado de Assis que se encontram neste blog. Alguma coisa deverá encontrar. Os links das postagens estão abaixo do poema ELA.
    O índice do blog contém apenas as crônicas.
    Obrigada
    Tais

    ResponderExcluir
  6. Nessa23:03

    Poxa, legal o seu blog :) Estava procurando alguma coisa para pesquisa escolar... Foi sorte encontrar teu blog ^^ hehe Parabéns!

    ResponderExcluir
  7. Anônimo09:05

    Muito obrigado ajudou muito legal esse poema adorei ele e usei ele em meu trabalho escolar valeu!

    ResponderExcluir
  8. Anônimo16:42

    Oii,gostaria que me ajudassem em um trabalho de escola,estou procurando feito louca poemas sobre juventudo do século XIX desde já agadeço a colaboração.

    ResponderExcluir
  9. tais luso14:12

    Oi, amiga, pedindo no google poesias do séc XIX vais encontrar vários sites sobre este assunto.

    Um abraço, se não achares, retorne por email.
    Tais

    ResponderExcluir
  10. Anônimo18:28

    Muito fera esse poema. sem cometários.

    ResponderExcluir
  11. Anônimo19:08

    foi impossível ler isto e não lembrar da garota
    que eu amo.

    maravilhoso.

    ResponderExcluir
  12. Como seria viver sem a poesia ?
    como o amor esta para o amante
    a poesia esta para a alma.

    ResponderExcluir
  13. Anônimo17:24

    Ai fiquei muuuito feliz quando encontrei esse poema do Grande Machado!!!
    Encontrei graças ao seu blog!!!
    Brigadinha!

    Ana Lúcia

    ResponderExcluir
  14. Anônimo17:26

    Brigada por colocar referencia bibliografica tbm!

    ResponderExcluir
  15. Lidya Maria18:28

    Estava a procura desse poema para complementar ainda mais um trabalho de literatura e encontrei em seu blog que por sinal é maravilhoso!!!

    ResponderExcluir
  16. panmella20:09

    NO show muito legal!!!!
    adorei...

    ResponderExcluir
  17. Anônimo16:06

    Estava fazendo um trabalho de escola e esse poema me apareceu quando eu precisava e tmb eu li e amei...Muito bom!!!

    BjÔxXxXx

    ResponderExcluir
  18. Priscila20:08

    Parabéns pelo blog! É de muito bom gosto.
    Estava eu, ansiosa para ler a primeira grande obra do nosso grande escritor e felizmente á encontrei no seu blog.Obrigada

    ResponderExcluir
  19. Anônimo16:26

    Olá Tais,

    Mostrei esse poema para um professor de literatura que ficou em dúvida se poderia mesmo ter sido escrito por Machado uma vez que contém erros de concordância. Você pode me esclarecer de onde você conseguiu a poesia e se a fonte é fidedigna?

    Um grande abraço e parabéns pelo trabalho

    ResponderExcluir
  20. Tais Luso21:11

    Olá, amiga!
    Todas as poesias que posto no blog são retiradas de livros e no final deixo a referência. A referência do poema 'Ela' está no final do poema. Tenho sempre esse cuidado...

    Para outros trabalhos coloquei outros links neste mesmo blog. Estão abaixo do poema 'Ela'.
    Um abraço e volte sempre.

    Tais Luso

    ResponderExcluir
  21. Essa poesia é realmente muito bonita, vai ajudar muito no meu trabalho sobre esse grandioso escritor.
    Obrigada

    ResponderExcluir
  22. Anônimo11:39

    Essa poesia é simplismente mara vilhosa eu amei.

    ResponderExcluir
  23. Belas palavras, bem usadas ... Apesar de eu ter apenas 13 anos me interesso muito por literatura, poesias , poemas e deveras, o que é raro hoje em dia para crianças e adolescentes. Bom... Sempre achei Machado de Assis um "Mestre da literatura".

    ResponderExcluir
  24. Anônimo19:39

    a cronica é linda,tenho um trabalho e aula pra fazer e preciso saber q tipo de cronica ela é.Me parece ser descritiva.

    ResponderExcluir
  25. Anônimo18:15

    Linda poesia de Machado de Assis. Estava à procura dessa poesia no Google e por sorte encontrei seu Blog era para uma pesquisa escolar... mas não vem ao caso
    ameeeeeeeei seu blog
    beijinhos e bitokas
    mikaella
    rio de janeiro

    ResponderExcluir
  26. este eu os poemas mai bonitos que eu já ví em minha vida....

    ResponderExcluir
  27. Anônimo10:24

    Thaíse,


    Lindo poema. Estava a procura de crônicas e encontrei seu bolg. Muito bem organizado, parabéns

    ResponderExcluir
  28. sua poesia é lindaa, eu sempre admirei vc, seu trabalho! linda mesmo...parabéns pelo lindo trabalho.

    ResponderExcluir
  29. Anônimo21:00

    adorei suas poesia ,obras,e a sua biografia cada poemas perfeitos que vinhero de dentro de voce parabéns >>>>

    ResponderExcluir
  30. q linda e perfeitaa"!

    ResponderExcluir
  31. Anônimo18:35

    Achei Oque Eu Queria O Dono do Blogger Está de Parabéns .

    ResponderExcluir
  32. Anônimo21:54

    AMEI D+++++++++++++++++++++++++++++

    ResponderExcluir
  33. Muito bonito esse poema,adorei.

    ResponderExcluir
  34. Anônimo22:14

    Muito bonito esse poema,adorei.

    ResponderExcluir
  35. Anônimo17:34

    Adorei o seu blogger, estava á procura de crônicas para um trabalho escolar, e por sorte, encontrei o seu blogger, quero te parabenizar, tem tudo o que eu preciso. Beijos!

    ResponderExcluir
  36. Cristiane de Belo Horizonte, MG18:08

    Adoro poesia e as vezes sinto uma nostalgia pelo fato dela ser tão pouco considerada nos dias de hoje. Tenho 25 anos e sinto falta dessa lealdade de sentimentos, tão bem exemplificada nesses versos lindos e cheios de vida. Parabéns pelo blog, que faz com que minha geração tenha contato com o que era bom de verdade.

    ResponderExcluir
  37. Quando se trata de um poeta desse calibre...Não existem palavras.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  38. E saber que é uma poesia super lida do Machadão de quem sempre fui fã e li muito.
    Ler Machado é preciso como respirar.
    Boa partilha amiga.
    Bom passear por aqui.
    Meu carinhoso abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Machado de Assis: mestre, professor e inspirador de muitos! Sempre atual.
      Abraços, Toninho.

      Excluir

COMENTÁRIOS DE ANÔNIMOS NÃO SÃO POSTADOS NESTE BLOG,