10 de agosto de 2009

OS POBRES / Olavo Bilac




-Olavo Bilac

Aí vêm pelos caminhos,
Descalços, e pés no chão,
Os pobres que andam sozinhos,
Implorando compaixão.

Vivem sem cama e sem teto,
Na fome e na solidão:
Pedem um pouco de afeto,
Pedem um pouco de pão.

São tímidos? São covardes?
Têm pejo? Têm confusão?
Parai para os encontrardes,
E dai-lhes a vossa mão!

Guiai-lhes os tristes passos!
Dai-lhes, sem hesitação,
O apoio de vossos braços,
Metade de vosso pão!

Não receeis que, algum dia,
Vos assalte a ingratidão:
O prêmio está na alegria
Que tereis no coração.

Protegei os desgraçados,
Órfãos de toda a afeição:
E sereis abençoados
Por um pedaço de pão...


_____________
Bilac, Olavo 1865-1918
Antologia poética / L&PM 2007 pg.73
Porto Alegre

10 comentários:

  1. Olá amiga Taís

    É lindissimo este poema de Olavi Bilac. Adorei. Parabéns pelo seu bom gosto, sensibilidade e seu
    profundo sentimenso, que a levou
    à escolha deste poema.

    Amiga, neste momento estou também a publicar poemas meus no blog de uma amiga. convido-a a uma visita em:
    http://es-adrianalo.blogspot.com

    O meu obrigado.

    Beijinhos

    Alvaro

    ResponderExcluir
  2. Oi, Alvaro, já estou de sua seguidora no outro blog, é muito bonito. Deixo aqui o convite para os amigos darem um alô por lá.

    Beijo e obrigada!
    tais

    ResponderExcluir
  3. Amiga Taís.
    É sempre um prazer visitar o teu blog. Mas não tenho desculpas para a minha ausência. Acho que é mesmo preguiça.
    Como agora aqui em Portugal é Verão, as temperaturas sobem demasiado e a moleza apodera-se da gente, mas não esqueço você.
    Excelente escolha do texto em postagem.
    Beijos
    Victor Gil

    ResponderExcluir
  4. Amiga Taís:

    Este naco de poesia é uma delícia!

    ResponderExcluir
  5. Poxa, que lindo! Olavo Bilac, que sensibilidade... Este poema deveria ser obrigatório para as pessoas que viram as costas para o pobre e desvalido que acham pela rua; que fecham o vidro elétrico do carro na cara do garotinho pequeno; que não dão nem um sorriso a quem nada tem.

    Veja você, Taís, que isso é tão comum hoje em dia, que a desculpa sempre recai para a questão da segurança, mas convenhamos, a maioria tem mesmo é uma atitude higiênica com relação ao mendigo.

    Outra coisa que execro, é a atitude daquelas pessoas que dizem coisas assim: "Ah, que vá trabalhar!". Sinceramente, se emprego já é difícil para quem estudou, image para aquele que não sabe falar, não tem roupa, não tem dentes...

    Parabéns pela postagem desta bela obra.

    bjão
    Cesar

    em tempo: seu blogue tá lindo!
    em tempo2: Na linha do assunto pobres e desvalidos, leia, qdo tiver um tempo, esta breve crônica que escrevi e que, até hoje, gera uma polêmica danada. Melhor que a crônica são os comentários, alguns muito tristes, na minha opinião.

    http://oscausosdocruz.blogspot.com/2008/10/gosto-dessa-gente.html

    ResponderExcluir
  6. Olá Taís,

    Enquanto os pobres caminham
    descalço com os pés no chão.
    Lá no Planalto Central
    Vão saqueando a nação.
    E o nosso presidente
    Que anda sempre ausente,
    Ciência não toma não.

    Carinhosamente,
    Dalinha

    ResponderExcluir
  7. Oi, Tais!
    Não costumo ler mto a poesia de Bilac, a não ser aquelas com tom raro romântico. Mas isso não tira o merecimento deste belo poema carregado de expressividade e realeza.
    Pelo carinho e respeito que temos por ti - foste nossa primeira seguidora - há um selinho no "Aqui... Entre! Nós." com o qual queremos te presentear.

    Carinhosamente.
    LU MARIA

    ResponderExcluir
  8. Oi, Taís...

    Tanto tempo já faz que Olavo Bilac compôs esse poema e ele ainda é tão atual!

    Quem sabe um dia esses versos se tornem desatualizados.

    Estive por aqui.

    ResponderExcluir
  9. VejaBlog
    Seleção dos Melhores Blogs/Sites do Brasil!
    http://www.vejablog.com.br

    Parabéns pelo seu Blog!!!

    Você está fazendo parte da maior e melhor
    seleção de Blogs/Sites do País!!!
    - Só Sites e Blogs Premiados -
    Selecionado pela nossa equipe, você está agora entre
    os melhores e mais prestigiados Blogs/Sites do Brasil!

    O seu link encontra-se no item: Blog

    http://www.vejablog.com.br/blog

    - Os links encontram-se rigorosamente
    em ordem alfabética -

    Pegue nosso selo em:
    http://www.vejablog.com.br/selo


    Um forte abraço,
    Dário Dutra

    http://www.vejablog.com.br
    ....................................................................

    ResponderExcluir
  10. Quem será mais pobre, eles por serem desprovidos de bens materiais, ou a "gente" que não tem um coração caloroso?

    Fique com Deus, menina Tais.
    Um abraço.

    ResponderExcluir

Olá, se você não tem um registro na WEB, assine seu nome no final do comentário!

Obrigada.