28 de março de 2012

ESSE MENINO É EX-MORADOR DE RUA!


VEJA ESSE  VÍDEO  
Feche o X da legenda (se aparecer) para ler em português.
Se o vídeo não entrar, clique aqui: http://youtu.be/8eOyTj9jkXU



UM POUCO DE SUA VIDA
Sung-bong Choi, 22 anos, nasceu na Coréia do Sul em 28 de fevereiro de 1990. Viveu dez anos na rua, foi abandonado com apenas 3 anos de idade. O jovem se apresentou-se no programa Korea's Got Talent e emocionou o público ao cantar o tema 'Nella Fantasia'. Seu rosto é a imagem da tristeza, emociona. Que tudo dê certo para esse rapaz, que a vida o cuide; que  seja  feliz!

A vida desse menino, abandonado num orfanato aos 3 anos de idade, foi uma batalha – das mais difíceis. Para fugir de espancamentos frequentes, aos 5 anos ele entrou em um ônibus e terminou em um bairro de 'luz vermelha' cheia de discotecas e bares, em Daejeon, cerca de 100 quilômetros ao sul de Seul. Choi vendia bebidas e chicletes para ganhar a vida. Dormia agachado em banheiros públicos para fugir dos invernos gelados.

Choi tem arrepios ao descrever os 'irmãos de gangues' que muitas vezes roubavam-lhe os seus pequenos ganhos. Ele confessa, com vergonha, que fez muitas coisas ruins, como roubar, para sobreviver.
Com uma infância sofrida, sem ninguém para protegê-lo ou cuidar, mesmo quando foi atropelado por um carro, ao caie de um viaduto, foi esfaqueado por uma gangue, e mesmo assim não foi levado ao hospital. Foi a uma farmácia onde lhe colocaram ataduras e apenas ficou na espera da melhora - conta isso muito emocionado.

Quando perguntado qual foi a parte mais difícil do seu passado, ele disse sem rodeios: 'ter tido que falar com as pessoas'.

O contato humano era simplesmente torturante, confessa Choi calmamente. Mas nunca deixou seu orgulho cair. Muitas vezes lutou contra aqueles que lhe olhavam com pena. Fez o que fez, agiu com violência para esconder de si o lugar a que chegara, no fundo do poço... Mas ao cantar vive uma fantasia de paz, honestidade, espírito livre e cheio de humanidade.
E sua sorte foi ter se inscrito no 'Coréia do Got Talent', um canal de entretenimento - TVN - na Coréia do Sul.



10 comentários:

  1. Olá Taís,
    Uma das coisas mais importantes na vida é saber o que se quer e correr atrás daquilo que se quer. É a magia do "eu quero, eu posso".
    Lindo o vídeo deste menino, tão machucado pela vida e pelo mundo à sua volta. Tudo isso poderia, facilmente, fazer dele um drogado, um traficante, um ladrão, ou qualquer coisa que o levasse ao fundo do poço.
    Porém, a vontade de vencer todos aqueles obstáculos impostos pela sua
    condição de menino de rua, fez com que ele tivesse a sorte de chegar onde chegou.
    Em vista disto e de tantas coisas que se observa acontecer com pessoas como este garoto, é que devemos sempre procurar dar um voto de confiança e ajudar àqueles que lutam para conseguir um lugar ao sol. Sob o meu ponto de vista espiritual, hoje é o garoto do vídeo, amanhã poderá ser a nossa vez, em outras vivências, e outra história, posto que somos herdeiros de nós mesmos.
    Adorei a postagem e emocionei-me muito com ela.
    Um grande beijo, amiga.
    Maria Paraguassu.

    ResponderExcluir
  2. Oi Taís,
    dizer que este menino é um exemplo seria redundante.Mais que memorável a sua capacidade de superação e sublimação das adversidades é a fortaleza espiritual que criou em sua vida tão ultrajada e ainda procura se conduzir atrás das boas possibilidades da vida, enquanto sabemos de tantos outros jovens que a vida sorriu desde sempre, perderem-se na violência, nas drogas, na incapacidade de serem gente.
    Fatos como este trazem profundas e importantes reflexões.Obrigada.
    Bjkas,
    Calu

    ResponderExcluir
  3. Emocionante a história desse rapaz e um exemplo de que tudo pode mudar quando se tem força de vontade.

    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Taís,
    Essa história comovente comprova mais uma vez o grau de tenacidade do ser humano. Certas pessoas podem chegar ao fundo do poço mas não perdem a esperança de encontrar a saída nem a fé na humanidade. Parabéns por essa postagem mágica, JAIR.

    ResponderExcluir
  5. Gostei de rever...Que lição de vida hein???Se soubermos agarrar as oportunidades,teremos o mundo a nossos pés....
    Vi agora mais conscientemente, este
    belo vídeo.
    Beijo

    ResponderExcluir
  6. Oi Taís. Emocionante superação de vida. Todos nós recebemos dons de Deus. Que bom que ele descobriu a tempo e agora é só saber explorá-lo,e tomara Deus ele encontre apoio para não se desviar jamais dessa linda carreira. Vivre la Music!
    Grande abraço.

    ResponderExcluir
  7. Oi Thais,

    Essa história me emocionou muito! No dia que eu assiti a esse vídeo pela primeira vez, fiquei com esse menino na minha cabeça, não conseguia esquecer o semblante dele, a tristeza nos olhos dele, enfim, me tocou muito.
    Penso que as oportunidades certamente existem para todos nós, porém somente os especiais conseguem esperá-las, enxergá-las e usufruí-las.
    Que daqui para frente esse garoto consiga viver tudo que merece e que seja feliz!

    Parabéns pela escolha! Lindo!

    Abraços

    Leila

    ResponderExcluir
  8. Tais, experiências como a desse jovem me deixam sem palavras, realmente engasgada com as lágrimas. Não apenas pela emoção de ver um irmão meu, filho do mesmo Pai Celestial, superando a si mesmo, enfrentando com garra as suas provações terrenas. Mas especialmente por saber que existem muitos outros meninos como ele, que ainda não foram descobertos, que ainda não tiveram sua chance, sua oportunidade de saber que são mais do que insetos, que são pessoas dignas de respeito, que tem seu valor. Fico orando em meu íntimo para, quando encontrar com uma pessoa nessas circunstâncias, tão ferida pela vida, eu tomar a decisão certa e fazer algo... mesmo que seja apenas um bom dia, ou um sorriso. Ou a doação de algum alimento, uma peça de roupa. Que seja, porém, o que naquele momento aquela pessoa mais precisa.

    Emocionante a história, realmente: que a Vida o cuide! E que nós possamos ajudar nessa tarefa, fazendo algo de bom todos os dias, com menos julgamento e mais amor cristão. Se não tivermos muito a ofertar, que possamos pelo menos indicar caminhos: os valentes como Sung-bong Choi saberão abraçar a oportunidade e brilharão por seu próprio mérito.

    Beijo, minha querida. Com carinho!

    ResponderExcluir
  9. Bom dia Taís,
    não há como não se emocionar com o canto e com a história desse menino.
    A superação, a opção pela arte, como meio de fuga de tão difícil conjuntura, é muito boa. Alguns artistas de sucesso vieram de situações semelhantes. A arte fortalece, regenera, evolui o espírito e às vezes até enriquece materialmente! É sempre bom se deparar com esses exemplos, eles nos fazem corar de vergonha por reclamarmos da sorte...
    Um bom feriado, Loyde estava lendo sua crônica e me chamou, ela não faz comentários, mas manda um beijo

    ResponderExcluir
  10. Katia15:18

    Olá Taís,
    Fiquei muito emocionada ao ver pela primeira vez o vídeo deste rapaz, ele é marcante e seu rosto e sua voz estará no meu coração para sempre. Ele é mais uma vítima da vida, nao pediu para nascer, queria ser amado chego a conclusão o qto ainda os seres humanos precisam evoluir para chegar aos pés deste rapaz, q traz a marca do sofrimento mas a esperança de um mundo melhor. Ele nao foi educado por mãos humanas mas por DEUS e seus anjos para ser um ex dos cuidados Divino.Q bom a hora dele ser feliz chegou.
    Abç

    ResponderExcluir

MEUS AMIGOS:

1 - Este blog não envia nem recebe comentários anônimos ou ofensivos.

2 - Entrarei na página de comentários quando alguma resposta se fizer necessária.

3 - Meus agradecimentos pelo seu comentário, sempre bem-vindo.


Meu abraço a todos.
Taís Luso